Geral

27/10/2020 19:27:42 - Atualizado em 27/10/2020 19:27:42
« dê sua nota
   

Segundo servidor da Receita Federal de Mundo Novo é investigado pela Polícia Federal em menos de um mês.
por: Correio do Estado

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta sexta-feira (23) a Operação “Free Pass”, no município de Naviraí, a 364 km de Campo Grande. Um servidor da Receita Federal da Alfândega em Mundo Novo é investigado por fazer parte da organização criminosa que contrabandeava cigarros na fronteira com o Paraguai.
Ele vigiava os colegas de trabalho e passava informações privilegiadas aos contrabandistas, sobre os momentos em que eles poderiam passar pela Alfândega da Receita Federal do município sem serem revistados.
É o segundo servidor da Receita Federal do Brasil (RFB) a ser investigado em menos de um mês. No dia 2 de outubro, outra funcionária foi presa em flagrante por desviar mercadorias apreendidas do depósito da instituição, na Operação Warehouse.
Desta vez, os criminosos agiam em Mato Grosso do Sul e Paraná, onde são cumpridos hoje cinco mandados de busca e apreensão por cerca de 25 policiais, expedidos pela Justiça Federal de Naviraí.


Comentários

Comente

Seu comentário irá para o ar assim que o editor da matéria autorizar:
Nome
E-Mail
Comentário

Notícias Relacionadas

25/10/2020 23:20:54
Caso Padre Robson: investigadores apuram como fiéis humildes doavam milhões para associação.
A equipe da Superintendência...

Últimas notícias

Todos os direitos reservados