Geral

19/04/2020 10:52:13 - Atualizado em 19/04/2020 10:52:13
« dê sua nota
   

Após liberar gastos em razão do coronavírus, governo voltará a restringir despesas em 2021
por: G1

O governo indicou que voltará a restringir despesas públicas a partir de 2021, após ter sido forçado a gastar mais neste ano para enfrentar os efeitos da pandemia do novo coronavírus na economia.
É o que mostram os números oficiais do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2021, encaminhados nesta semana pelo Ministério da Economia ao Congresso Nacional.
A restrição é prevista porque, embora a meta fiscal tenha sido flexibilizada – a queda de receita deve elevar o déficit nas contas do governo –, está mantido o chamado teto de gastos, pelo qual a maior parte das despesas não pode subir acima da inflação do ano anterior.
Por isso, a previsão do governo para as chamadas despesas discricionárias é decrescente a partir de 2021


Comentários

Comente

Seu comentário irá para o ar assim que o editor da matéria autorizar:
Nome
E-Mail
Comentário

Notícias Relacionadas

26/05/2020 21:35:26
Com novo aumento nas refinarias, gasolina pode ficar mais cara ao consumidor
no litro da gasolina e 7...

Últimas notícias

Todos os direitos reservados